Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mente Literária

"A leitura é como uma droga que confere um adormecimento agradável aos contornos da crueldade da vida." Kertész , Imre.

Mente Literária

"A leitura é como uma droga que confere um adormecimento agradável aos contornos da crueldade da vida." Kertész , Imre.

Tudo, Tudo e Nós, de Nicola Yoon

DSCF3090.JPG

 

 

Madeline Whittier é uma rapariga que acaba de chegar aos seus 18 anos. Toda a sua vida foi passada longe do resto do mundo porque ela vive com uma doença, designada SCID, ou seja, imunodeficiencia combinada grave. O seu sistema imunológico não se desenvolve e Madeline cria alergias a qualquer coisa e, de forma a evitar isso, vive fechada em casa desde pequena.

Os seus dias são muito monótonos, tem aulas pelo Skype, lê livros e à noite joga jogos com a mãe. É então que a casa ao lado é ocupada por uma família e Madeline conhece Olly. A partir daí, tudo fica diferente.

Comprei este livro no mês passado com a intenção de o ler antes de sair o filme. É um YA, um livro leve e que se lê muito rápido, dei por mim a querer ler sempre mais. A história é muito envolvente e a escrita simples e fluida.

É um livro lindo, não só a história como o próprio livro, cheio de excertos e imagens ou notas da protagonista. Fala-nos de amor, de risco e de força de viver. Traz-nos também contacto com depressão e violencia doméstica.

Nas últimas páginas houve uma reviravolta que não esperava e que me impediu de dar as cinco estrelas, no entanto não deixou de ser um livro que adorei ler.

 

Goodreads - Facebook Instagram

Goodreads - Facebook - Instagram